Curitiba, 26 de Janeiro de 2017.
13:37

Associada Assespro DF é a primeira empresa de pequeno porte do Brasil a receber o selo pró-ética do Ministério da Transparência

O Pró-Ética, projeto do Ministério da Transparência, é realizado anualmente, que tem como objetivo reconhecer empresas que se comprometem com a ética, a integridade e a transparência em seus serviços prestados

Edição 58

MARCO TULIO

O Pró-Ética, projeto do Ministério da Transparência, é realizado anualmente, que tem como objetivo reconhecer empresas que se comprometem com a ética, a integridade e a transparência em seus serviços prestados. O projeto foi criado em 2010, sendo uma iniciativa pioneira na América Latina, que busca estimular as empresas a criarem, através de ações e medidas adotadas, um ambiente limpo e íntegro em suas áreas de atuação.

A edição de 2016 contou com a participação de 195 empresas, e após todo o processo de avaliação, apenas 25 delas foram aprovadas com o selo de Empresa Pró-Ética 2016. Dentre elas, temos grandes nomes, como: Banco do Brasil, Microsoft e Siemens.

Entre as organizações reconhecidas pelo projeto, a Tecnew, uma empresa que vende softwares de consultoria para governo, se destacou por ser uma pequena empresa de Brasília, que conquistou um prêmio inédito para o seu porte, sendo a primeira em toda história da premiação a alcançar tal feito. Esse selo adquirido traz o reconhecimento que atesta o comprometimento da Tecnew no combate à corrupção de modo efetivo, claro e maduro, garantindo a ética por parte de todos os envolvidos na organização, e construindo um ambiente ético e íntegro, que tem sido cada vez mais necessário na sociedade atual.

Fizemos uma entrevista com o Diretor Presidente da Tecnew, Marco Tulio Chaparro Rodrigues Rocha sobre esta conquista:

Por que participar do Pró-Ética?

Desde a nossa fundação, sempre representamos Grandes Empresas Nacionais e Internacionais, que por uma questão de Cultura, já exigiam normas de Compliance internas e de seus parceiros/representantes desde o século passado.

Anos depois entendemos que era necessário termos a nossa própria política, mais adequada a nossa realidade de pequena empresa, e então começamos a esboçar de forma organizada e sistematizada uma política de “Compliance”, onde a responsabilidade social empresarial estivesse associada claramente com a ética e a transparência na gestão dos negócios.

Em 2013 implementamos a politica de compliance internamente com a ferramenta “HELPUS”, criada pelo escritório Puppin, Manzan, Santiago e Spezia Advogados, desta forma conseguimos que a transparência deste ato permitisse e mantivesse a coerência entre o discurso e a prática, e esses valores foram ratificados pelo Ministério da Transparência com a obtenção de tão valioso Selo.

Qual é a importância desse prêmio para a empresa?

Entendemos que o sucesso de uma empresa não depende exclusivamente da qualidade ou dos preços oferecidos por seus serviços.

A obtenção desse certificado transcreve e sela o nosso interesse em tratar com a mesma conduta cliente, colaboradores, parceiros e fornecedores, ou seja, dentro de uma conduta ética baseada nos princípios da moralidade.

A obtenção do Selo de Empresa Limpa personificou o que já vínhamos buscando e tornou real o nosso anseio de lutarmos por um ambiente ético na sociedade.

É a primeira vez que participa?

Sim.  O programa de compliance foi iniciado há alguns anos, no entanto, é a primeira vez que participamos do selo pró-ética. Tentamos obter o selo apenas quando houve um sentimento de segurança, no sentido de que o nosso programa estava efetivo e maduro o suficiente.

Pensa em continuar a participar das próximas edições do prêmio? Por quê?

Sim! Claro! A avaliação do Ministério da Transparência é muito completa, apontando os pontos em que o programa pode melhorar. A avaliação é praticamente um estudo, o qual explicita as medidas que iremos adotar, bem como alcançar uma avaliação melhor no próximo ano.

A importância de implantar um sistema de “compliance” aferido pelo Governo Federal através do Ministério da Transparência trará ganho de credibilidade por parte de clientes, investidores, fornecedores, etc.

Manter esse sistema e participar das próximas edições do prêmio visa prevenir e coibir a prática de qualquer ato que possa vir a ser considerado ilegal.

A Tecnew acredita na relevância do Prêmio Empresa Pró-Ética, para que possa transmitir uma mensagem clara aos seus empregados, fornecedores e clientes de que o cumprimento de normas legais e éticas é um requisito indispensável nos tempos atuais.

Demonstramos publicamente que condutas indesejadas não podem ser praticadas dentro da organização por seus empregados ou terceiros com os quais realiza negócios tornando-se o grande propósito da obtenção do Selo.

Qual é a sua impressão sobre a evolução do programa?

Precisamos de ações como esta no Brasil, onde são valorizadas a ética e transparência.

Acreditamos que relações empresariais só serão realizadas com organizações que adotem práticas de anticorrupção, em especial as relações realizadas com o governo, onde entendemos que em um futuro bem próximo empresas que não demonstrem claramente que adotam tais medidas não mais contratarão com essas entidades.

Contamos que este seja um caminho sem volta, um caminho de um Brasil livre de escândalos de corrupção, um caminho para um Brasil melhor para todos!

 

 

 



Voltar

Indique para um amigo

Associada Assespro DF é a primeira empresa de pequeno porte do Brasil a receber o selo pró-ética do Ministério da Transparência
O Pró-Ética, projeto do Ministério da Transparência, é realizado anualmente, que tem como objetivo reconhecer empresas que se comprometem com a ética, a integridade e a transparência em seus serviços prestados

www.falaparana.com.br